jump to navigation

Oportunidade & Responsabilidade = Excelência janeiro 21, 2009

Posted by christietristao in Uncategorized.
5 comments

1192574233i89ms91

Introdução:

Estamos vivendo num momento onde tudo está acontecendo muito rápido. Informações nos chegam em massa através de tantos meios de comunicação, a tecnologia avança, a ciência têm se multiplicado. Esta é uma geração que tem experimentado algo, que há pouco tempo atrás eram apenas sonhos distantes. Em detrimento deste crescimento a geração presente tem se tornado muito imediatista, é tudo “pra ontem”, e esta mentalidade tem entrado na igreja de uma forma muito sutil. Queremos que tudo aconteça muito rapidamente, e temos tido muita dificuldade de esperar, ouvir, nos esforçar e prosseguir para o alvo.

Eu passei alguns anos sendo discipulada por um casal que considero como meus pais espirituais, e uma das coisas preciosas que eles me ensinaram é que quando o Senhor te chama para uma vocação, Ele mesmo abre as portas. Às vezes, por causa deste pensamento imediatista, somos tentados a abrir portas no ministério por nossa própria força, e sempre temos explicações “evangelicamente corretas”.

 Tudo isto tem nos levado a vivermos num nível muito aquém do que o Senhor tem preparado para nós, ou seja, estamos andando sempre no “bom” e não temos alcançado o “melhor”. Uma vez eu ouvi uma frase que me marcou, que dizia o seguinte: “O BOM É O INIMIGO DO MELHOR” Eu penso que o bom, são os nossos sonhos e pensamentos pessoais, e o melhor são os de Deus. Is 55:8, 9

Não devemos pois nos esquecer de que as oportunidades de Deus, envolvem responsabilidades e serviço, para o cumprimento do chamado Dele em nossas vidas. Quando começarmos a viver desta maneira estaremos vivendo com excelência.

 

Existe um caminho para trilhar dentro do serviço no reino de Deus: SER CHAMADO, TRANSFORMADO E PREPARADO E ESTABELECIDO POR DEUS. Tudo se inicia em nosso relacionamento com Deus, desenvolvendo a sensibilidade para ouvir a Sua voz, e a disposição para obedecê-lo e servi-lo.

Eu gostaria de deixar aqui alguns pontos para a sua meditação, os quais fazem parte desta nossa jornada como servos do Senhor.  

  • Fé – Hb 11:1, 6 – a convicção em Deus é o ponto de partida e o combustível que nos permite não somente iniciarmos, mas termos sempre uma constância nesta caminhada.
  • Palavra – a palavra de Deus é a nossa bússola, o livro onde obtemos todas as respostas necessárias para este percurso, ou seja, o manual de instruções. E também a palavra gera fé em nós. Sl 1:2, 3
  • Ter sempre o coração aquecido pela missão que nos foi delegada- A palavra de Deus nos diz que o fardo de Jesus é leve (Mt 11:30), em face disto se estamos seguindo o caminho do Senhor pra nós, temos uma alegria indescritível e inexplicável também. Quando tudo começa a ficar pesado, e gerar tristeza é momento para uma reavaliação de motivos e conduta.
  • Manter o foco – Ao longo do percurso vamos encontrar distrações, algumas pedrinhas, “raposinhas”, e por isso é muito importante mantermos o foco, traçando prioridades dentro de um alvo muito claro.
  • Caráter- As nossas habilidades e unção atraem as pessoas, porém o nosso caráter é visto por Deus. O que fazemos é o resultado do que somos. Mt 6:21 “Os campeões tornam-se campeões de dentro pra fora, não de fora pra dentro.” John Maxwell
  • Preparação – um soldado que vai para a batalha despreparado é alvo fácil do inimigo. A preparação envolve todas as áreas da nossa vida, seja ela de caráter espiritual, emocional e até mesmo físico. Por exemplo, no caso de um instrumentista, ele precisa estar focado em Deus, ser cheio do Espírito Santo e também saber tocar bem e com arte o seu instrumento Sl 47:7.
  • Prática – o hábito vem pela prática e disciplina, e isto envolve tempo e dedicação.
  • Perseverança – no meio do caminho como já foi citado anteriormente, vamos encontrar tropeços, tribulações, distrações, e de acordo com a palavra de Deus, seguir a Cristo não é viver em um mar de rosas Jo 16:33.
  • Coragem- é um detalhe importantíssimo para prosseguirmos, pois, ser um cristão de verdade hoje em dia não é fácil. São tantas tentações com boas justificativas que nos assolam, porém, para não ceder aos cuidados deste mundo é necessário ter muita coragem para dizer não, e ser separado de tudo isso. Js 1:7
  • Estar disposto a aprender sempre – estamos em um processo de crescimento, aprendizado, aperfeiçoamento, e precisamos estar abertos para isto. Conhecemos tão pouco do Senhor e ainda assim às vezes pensamos que já o temos a verdade plena. A maravilha de ser corpo de Cristo é poder aprender e crescer juntamente com os outros. Ser ensinável ,é uma qualidade que sempre nos leva pra frente em tudo o somos e fazemos. Pv 1:1-8
  • Assumir responsabilidades – e por fim, não podemos nos esquecer de que as oportunidades vêm seguidas de responsabilidades, e por isso precisamos estar sempre prontos para assumi-las.

 

Para finalizar este texto, eu gostaria de deixar quatro perguntas para a sua meditação pessoal, as quais estão relacionadas com a sua maneira e motivação ao responder o chamado do Senhor.

  •  
    1. Para onde eu vou?
    2. Porque eu vou?
    3. Por quem eu vou?
    4. Até onde eu vou?

 

Espero de todo o meu coração que um dia nós poderemos alcançar o alvo e poder dizer o seguinte:

2Tm 4:7 – “Combati o bom combate, completei a carreira, guardei a fé”.

 

 

Ministração espontânea – Escola Adorando 2009 janeiro 14, 2009

Posted by christietristao in Uncategorized.
2 comments

Louvor Gerson Ortega – Escola Adorando 2009 janeiro 8, 2009

Posted by christietristao in Uncategorized.
add a comment

Alegrar com os que se alegram janeiro 8, 2009

Posted by christietristao in Uncategorized.
9 comments

1144279163zlwm6k1

Eu gostaria de compartilhar uma palavra bem simples com você, e que tem falado muito ao meu coração. Estou participando da escola adorando em sua sexta edição, e tenho sido muito grata a Deus pelo privilégio de poder participar destes momentos tão especiais na presença do Senhor juntamente com irmãos de todos os lugares, famintos e sedentos pela presença de Deus. Mesmo estando participando da organização e tendo tarefas a cumprir, tenho sido muito tocada em todas as oportunidades que tenho tido de mergulhar na presença de Deus. É maravilhoso poder ver também o processo de cura e transformação na vida de tantas pessoas, que chegam por aqui feridas, desencorajadas, frustradas. Temos tido testemunhos maravilhosos de tantas pessoas que adentraram em um novo tempo em suas vidas, pelo fato de se separarem por alguns dias para ouvir a voz do Senhor e se submeter em obediência à Sua vontade que é “boa, perfeita e agradável.” Deus é fiel!!!!!!!!!!!!!!
Enfim, nestes últimos dois dias tem um versículo que vem saltando em meu coração e por isso, eu gostaria de deixar aqui para você uma pequena meditação a respeito disto.
“Alegrai-vos com os que se alegram e chorai com os que choram.” Romanos 12:15
Há dois dias atrás uma aluna da nossa escola foi comunicada a respeito da morte de seu namorado, o que a deixou muito triste e ela chorou muito. Então nos reunimos no salão de reuniões com vários outros alunos, e ali oramos e chorarmos juntamente com ela. E a partir daquele momento eu comecei a meditar a respeito de chorar com os que choram e alegrar com os que se alegram.
E uma questão surgiu no meu coração, a respeito da facilidade que temos de chorar com os que choram e a dificuldade de alegrar com os que se alegram. Deus me levou a pensar e meditar muito a respeito disto. Quantas vezes temos dificuldades de nos alegrarmos com as bênçãos dos outros, a alegria dos outros. Eu me lembro de uma vez que Deus me deu a oportunidade de comprar um teclado novo, e então uma irmã em Cristo fez o seguinte comentário: porque Deus somente abençoa os outros e nunca a mim!!!! Eu fiquei triste com este comentário, mas sabe de uma coisa, muitas vezes sentimos isto e simplesmente não verbalizamos.
Com certeza o Senhor nos confronta em nossas fraquezas para mostrar ou manifestar-se forte em nós. A palavra de Deus nos diz em Oséias 6:1: “Vinde, e tornemos para o Senhor, porque ele nos despedaçou e nos sarará; fez a ferida e a ligará”. Este texto nos diz que o mesmo Deus que abre a ferida é aquele que também cura. Ser confrontado por nossas fraquezas e dificuldades, pode ser o caminho para a cura e crescimento.
A minha oração tem sido para que o Senhor me ensine a não somente chorar com os que choram, mas também me alegrar com os que se alegram. Se você se identificou com esta palavra, busque também este romper em sua vida. E que tenhamos sempre os nossos olhos fixados em Jesus, porque Ele, somente Ele é o autor e consumador da nossa fé.

Para encerrar esta pequena meditação, eu gostaria de deixar este versículo para encorajamento em sua vida. Que o Senhor te abençoe grandemente.

2 Coríntios 12:9 “Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriarei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo.”.
                               
                                                                                                        Christie Tristão.